Reparar acabamento com óleo manchado

Você aplicou o óleo de tungue e a madeira ficou perfeita. O óleo já estava seco para manusear a peça sem sujar as mãos, porém choveu durante a noite e agora a superfície está com manchas cinzas que não saíram mesmo depois de a madeira secar. O que fazer?

Infelizmente, seco ao toque – seco o suficiente para não sujar as mãos – não significa completamente curado. Acabamentos à óleo não precisam apenas secar, mas também estar completamente curados. Isto significa que toda a umidade deve evaporar. Pense da seguinte forma: você está pintando a parede com tinta e esquece de tampar a lata. No dia seguinte um filme grosso cobre toda a superfície da tinta, mas perfure esta camada e tinta líquida emerge. Se a lata ficar aberta por bastante tempo toda a água (ou solvente) evapora e apenas a massa sólida da tinta continua na lata. Neste ponto, a tinta está completamente curada.

O óleo de tungue está úmido abaixo da superfície. Óleo e água não se misturam, e quando a madeira molhou, apareceram as manchas.

Consertar o acabamento manchado é simples. Coloque a peça em um ambiente abrigado, ou cubra o deck, para evitar que a madeira volte a molhar. E, aqui, um velho segredo de acabamento de barcos para consertar excesso de selador (óleo de tungue ou uretano) aplicado em deck de teca: esfregue as manchas com o diluente de goma laca usando uma lã de aço fina ou esponja abrasiva fina. Isto vai remover o acabamento descolorido sem estragar a madeira.

Deixe secar por alguns dias e reaplique uma demãos fina de óleo. Várias demãos finas funcionam muito melhor que poucas mais carregadas. Deixe secar por um dia. Quando estiver seco ao toque, esfregue levemente a superfície com a lã ou esponja abrasiva (sem álcool) e aplique outra demão. Repita o processo até obter 4 ou 5 demãos de óleo na madeira. Depois, deixe secar por pelo menos uma semana ao abrigo de umidade.