Por que fazer a tábua de corte com as pontas da madeira (end grain)?

A tábua de corte é um dos acessórios indispensáveis na cozinha, e as feitas de madeira são as mais valorizadas. Cedo ou tarde todo marceneiro – profissional ou não – faz a sua. Veja porque o método tradicional é usar a ponta da madeira virada para superfície de corte.

A imagem abaixo ilustra a diferença entre uma tábua que tem a superfície de corte feita com a ponta da madeira e outra feita com os veios paralelos à superfície, ou face da madeira.

Como o fio da faca corta a madeira

Note como o fio da faca corta entre as fibras da superfície com a ponta da madeira, mas corta através dos veios da superfície quando eles estão paralelos. No primeiro caso os veios voltam a fechar o espaço quando a lâmina passa, enquanto no segundo os cortes feitos pela faca não voltam a fechar. As fotos abaixo mostram, na prática, o que isto significa./p>

Corte transversal aos veios da madeira - antes do GIF White Oil

Cortes na face da madeira antes da aplicação do óleo. Partículas de madeira soltas podem passar para o alimento; o veio da madeira é cortado, cegando a faca.

Face da madeira cortada depois da aplicação do óleo mineral

Depois da aplicação do óleo os cortes ainda são visíveis.

Marcas de corte na ponta da madeira - antes do óleo

Cortes na ponta da madeira (end grain) antes do tratamento com óleo. A lâmina passa entre os veios da madeira e não corta os veios da madeira, preservando assim o fio da faca. Nenhuma partícula de madeira solta, as marcas são mais menores.

A tábua de ponta de madeira (end grain) depois da aplicação do óleo

A mesma tábua depois da aplicação do óleo. As marcas de cortes são praticamente imperceptíveis.