Acabamento sem erro com óleo e cera

Acabamento sem erro com óleo e cera

Indicado para a maior parte dos móveis internos, o acabamento com óleo de linhaça ou óleo de tungue e cera é muito fácil de aplicar. Além de ser fácil, a camada protetora sobre a superfície da madeira deixa que sua beleza natural valorize qualquer peça.

O segredo deste acabamento é a maneira como o óleo e a cera interagem. Primeiro, o óleo penetra na madeira e proporciona um brilho discreto e quente enquanto forma uma barreira protetora. A seguir, uma fina camada de cera adiciona ainda mais proteção e dá um toque sedoso difícil de se obter com outro produto.

Como as camadas de óleo e cera são muito finas elas não escondem defeitos na preparação da madeira – riscos de lixa e marcas de ferramentas também se destacam. Isto significa que você deve começar o trabalho com uma superfície bem uniforme. Prepare cuidadosamente a madeira e lixe bem a superfície com lixa grana 220 ou maior, e limpe bem a superfície com um pano pega pó (tack cloth).

Não esqueça de preparar a madeira adequadamente para receber o acabamento.

Para saber se existem marcas na madeira basta esfregar um pano limpo umedecido com solvente – aguarrás ou terebintina – sobre toda a superfície. Qualquer defeito fica visível e o solvente evapora sem deixar resíduos. Corrija os defeitos antes de aplicar o óleo e a cera.

O que você vai precisar

  • Óleo de tungue ou óleo de linhaça
  • Solvente: terebintina, aguarrás ou thinner GIF Eco
  • Pote com tampa para misturar óleo e solvente em diversas proporções
  • Cera Artefice Supreme ou Artefice Antique
  • Lã de aço n° 0 ou esponja abrasiva muito fina
  • Panos de algodão
Escolha o Óleo

Como este acabamento é indicado para madeira não exposta ao tempo, a escolha do óleo é uma questão de gosto: o óleo de tungue acentua o desenho dos veios da madeira e é mais netruo em relação à cor; o óleo de linhaça “amarela” levemente e dá um tom mais quante à madeira, mas também destaca o seu desenho.

Escolha a Cera

Para obter um acabamento brilhante, as ceras à base de carnaúba como a Artefice Supreme ou a Brilho+ são as mais indicadas. Se você desejar um acabamento mais acetinado, a cera ideal é a Artefice Antique. As ceras Brilho+ são neutras em relação à cor final – são totalmente transparentes.

Aplicação

As duas primeiras demãos de óleo são aplicadas diluídas para que o óleo penetre bem na madeira. O intervalo entre demãos em todo o trabalho deve ser de no mínimo 24 horas.

Primeiras duas demãos: Dilua o óleo na proporção de 1 parte de óleo para 1 parte de solvente. Coloque-o na esponja abrasiva e esfregue sobre a madeira. Um pano macio de algodão também serve, mas fazer a aplicação com a esponja ajuda a ‘trabalhar’ o óleo na madeira. Aplique uma boa camada esfregando com movimentos fortes durante algum tempo e mantenha a madeira bem úmida durante toda a aplicação. Quando a superfície estiver bem coberta e trabalhada, deixe que o óleo penetre na madeira por 15 ou 20 minutos. Durante esse tempo é fácil perceber que o óleo vai perdendo o brilho.

A seguir remova todo o excesso de óleo com um pano limpo e seco ou papel absorvente. Esfregue bem o pano sobre a madeira até que ela pareça estar seca.

A dica é: esfregue o pano como se estivesse lustrando cera. Trabalhe até que a superfície da madeira esteja ‘seca’: deve ser difícil perceber qualquer oleosidade. É importante dar atenção a esta etapa porque o excesso de óleo não seca e fica pegajoso.

Outras demãos: Quando o óleo estiver seco o suficiente, em geral depois de 7 a 10 dias, aplique uma nova demão de óleo. Primeiro, esfregue rapidamente a esponja abrasiva limpa e seca sobre a madeira no sentido dos veios, e repita a aplicação como você fez na primeira vez. Depois da primeira demão você pode diluir o óleo na proporção de 3 partes de óleo para 1 parte de solvente. Repita a aplicação até obter a profundidade de cor desejada.

Última demão: Aplique a última demão com óleo puro, do mesmo jeito que as demãos anteriores.

São necessárias pelo menos 3 demãos de óleo para obter um bom destaque dos veios da madeira.

Depois da última demão deixe que o óleo cure completamente antes de aplicar a cera. O óleo de tungue bruto leva de 7 a 10 dias para curar, enquanto o óleo de linhaça refinado leva pelo menos 20 a 30 dias.

Depois que o óleo estiver seco é a hora de aplicar a cera. A cera pode ser aplicada tanto com um pano de algodão macio quanto com lã de aço ou esponja abrasiva ultra fina. Dobre o pano diversas vezes para criar várias ‘faces’ de trabalho que podem ser alternadas quando houver excesso de cera no pano.

Aplique uma camada fina de cera, e esfregue o pano ou esponja até que a cera pareça ter sumido. Depois de aplicar a cera sobre toda a superfície e você sentir o pano/esponja deslizar facilmente, lustre com um pano limpo e macio. Quando o brilho estiver homogêneo em toda a superfície o acabamento está pronto.

Manutenção

A manutenção deste acabamento pode ser feita com um pano seco para remover o pó acumulado sobre a madeira. Se for preciso fazer uma limpeza mais cuidadosa use um pano úmido com GIF Cleaner diluído ou um produto de limpeza neutro também diluído.

Cuidados especiais

O jeito mais fácil de corrigir marcas causadas por umidade ou pelo manuseio constante do objeto é esfregar uma lã de aço n° 0 com um pouco de solvente – terebintina é ideal para isso, mas pode ser também aguarrás. Esfregue toda a superfície e deixe que o solvente evapore completamente. Depois reaplique a cera.